Clique para Voltarvoltar

Como inspecionar os cabos de aço

Como inspecionar os cabos de aço

A Inspeção de Cabos de aço de acordo com a nbr Iso 4309

COMO INSPECIONAR OS CABOS DE AÇO

A Inspeção de Cabos de aço de acordo com a nbr Iso 4309

Atenção, tanto a inspeção quanto o descarte de cabos de aço devem sempre respeitar a norma.

A inspeção de cabos de aço é de extrema importância, pois garantirá a segurança de todas as operações realizadas com cabos de aço. Esta deve ocorrer a partir do momento em que o cabo de aço entra em utilização e deve ser realizada por um profissional qualificado.

A primeira inspeção que deve ser feita no cabo de aço é a inspeção de recebimento, normalmente realizada pelo almoxarife, onde se verificam as informações requisitadas, tais como:

• Diâmetro
• Construção
• Acabamento
• Resistência
• Lubrificação
• Tipo de alma
• Comprimento
• Certificado de Qualidade

A segunda inspeção é realizada pelo próprio usuário antes de cada operação e é chamada de inspeção diária, essa inspeção é visual em busca de indícios que possam comprometer a segurança da operação. Os indícios podem ser:

• Oxidação
• Amassamentos
• Deformações
• Arames partidos
• Exposição de alma
• Deslocamento de arames ou pernas
• Danos por calor
• Danos elétricos

No caso de se detectar um dano no cabo de aço, o mesmo deverá ser retirado de serviço ou submetido a uma inspeção por uma pessoa qualificada.

Além das inspeções de recebimento e diária ocorrerão inspeções periódicas com frequência determinada por uma pessoa qualificada, baseando-se em fatores como:

• Requisitos previstos por lei;
• Tipo de equipamento e condições ambientais;
• Grupo de classificação do equipamento;
• Histórico de inspeções anteriores;
• Tempo de serviço do cabo de aço.

Essas inspeções não precisam necessariamente ser realizadas em intervalos iguais, mas devem ser mais frequentes quando se aproxima o final da vida útil do cabo de aço ou quando ocorrem incidentes.

Alguns trechos críticos devem receber maior atenção durante a inspeção periódica:

• Trechos em contato com selas de apoio, polias equalizadoras ou outras polias onde o percurso do cabo é limitado;
• Trechos do cabo junto ou próximo aos terminais onde podem aparecer arames oxidados ou rompidos;
• Trechos sujeitos a flexões alternadas;
• Trechos do cabo que normalmente ficam escondidos durante a inspeção visual, tais como as partes que ficam sobre as polias.

Trechos de Cabos

Durante a inspeção periódica verifica-se:

• Redução do diâmetro do cabo abaixo do seu diâmetro nominal, devido a deterioração da alma, corrosão interna/externa ou desgaste dos arames externos;

Redução de Diâmetro

• Corrosão acentuada ou arames rompidos junto aos terminais;
• Terminal mal instalados, desgastados, tortos, trincados ou com corrosão;
• Ruptura de arames;
• Deformações, amassamentos e ondulações;

Deformações

Fatores como a quantidade de arames rompidos são balizados pela categoria RCN de cada cabo que indica o critério de descarte (quantidade máxima de arames partidos).

Acro Cabos

Por Acro Cabos


Quarta, 08 de Novembro de 2017

POSTS RELACIONADOS

CADASTRE-SE PARA RECEBER
NOSSA NEWSLETTER

Acompanhe nossas redes sociais.

Facebook
Linkedin
Youtube

ACRO SÃO PAULO


Pin

Rua Nilton Coelho de Andrade, 1326
Pq. Novo Mundo - São Paulo - SP
acrocabo@acrocabo.com.br

ACRO PARANÁ


Pin

Rua Carlos de Laet, 925
Vila Hauer - Curitiba - PR
acrocuritiba@acrocabo.com.br

CONTATO


Phone

ACRO SP
+ 55 11 3299-5400

 


ACRO PR
+55 41 3045-7500

2017 Acro Cabos. Todos os direitos reservados.